Notícias

Notícias do universo Os Belenenses SAD

Belenenses Futebol, SAD x CD Santa Clara

Finalmente a espera terminou e o Belenenses Futebol SAD entra em campo já este sábado, frente ao Santa Clara, num encontro relativo à 2.ª fase da Allianz Cup, com início marcado para as 17 horas no Estádio Nacional.
Mais de um mês depois do início dos trabalhos, Silas mostra-se satisfeito com o desempenho dos seus jogadores durante a pré-época e acredita que a equipa está preparada para o primeiro jogo oficial da temporada.
“O balanço da pré-época é positivo. Temos muitos jogadores novos e praticamente estamos a começar tudo do zero, mas já deu para passarmos algumas das nossas ideias. Temos o ‘handicap’ de ainda estarmos à espera de reforços, mas já sabemos como funciona o mercado e, por isso, há sempre alguns ajustes a fazer. Por outro lado, aqueles que transitam do ano passado também acabam por aperfeiçoar os movimentos que pretendemos”, começou por dizer, antevendo o duelo de amanhã contra os açorianos:

“Sinto que a equipa está preparada. O nosso adversário leva alguma vantagem porque, apesar de terem saído dois ou três jogadores, praticamente manteve todo o plantel. De qualquer maneira, estamos a um bom nível para competir. Na época passada foram dois jogos muito difíceis na Liga e acho que amanhã qualquer uma das equipas pode ganhar. O Santa Clara também fez uma boa pré-temporada e acredito que será um jogo bastante equilibrado, onde alguém terá de perder, nem que seja nos penalties.”
Numa altura em que existe ainda alguma indefinição no onze base, Silas já tem o seu plano bem definido para o embate frente ao Santa Clara e, em caso de vitória, para o futuro da competição.
“Vão jogar aqueles que estão melhor preparados para competir e que nos dão mais garantias. É uma competição onde queremos ir longe. Temos um plantel recheado de jogadores jovens e com potencial, aos quais queremos dar minutos. Queremos passar à fase de grupos, porque somos ambiciosos e queremos sempre ganhar, mas também para dar oportunidade aos atletas que estão em crescimento e que precisam realmente de jogar”.

Partilhar a notícia: